Amanda Ferrari : O declínio de uma carreira de sucesso após se envolver amorosamente

0 44

A cantora gospel Amanda Ferrari foi umas cantoras remanescentes da música evangélica, dona de uma carreira de sucesso, com agendas espalhadas por todos Brasil. Ela tinha grandes portas abertas como nas principais Assembléias de Deus: Missão Belém e Madureira. 

Mas o que era proibido pela doutrinas das igrejas tradicionais aconteceu com cantora e tudo foi parar na internet, e as notícias davam conta que o seu casamento tinha chegado ao fim no final do ano de 2016. 

Ela estava em união com o pastor e empresário Gunnar Vingren, cerca de 12 anos a qual gerou um filho, em um relacionamento que segundo ela era muito difícil.
 

Ao que se soube na época, é que o relacionamento já estaria desgastado já algum tempo. Mas  em dezembro de 2016  o casal decidiu dar um basta no matrimônio que foi assumido diante de Deus. 

Após a polêmica explodir na internet e ter chocado os fãs e seguidores do ex-casal, dias depois o casal reatou o relacionamento em mais uma tentativa da cantora de não deixar o casamento acabar. 

Mas o que parecia estar engatilhado para seguirem de mãos dadas, foi tudo por água abaixo e novamente o gospel foi pego de surpresa. O pastor Gunnar Vingren, usou seu perfil no Facebook para publicar uma série de conversas de Whatsapp entre ele e a cantora Amanda Ferrari. 

Foram várias acusações trocadas, de cunho pessoal. Mas desta vez estavam também envolvendo o filho que tiveram juntos.  

Amigos próximos a cantora  contaram que Amanda deu uma chance ao marido, porque ela casou para viver com o mesmo homem a vida toda e que tentou absolutamente tudo para manter seu casamento, mas não foi possível. 

Por conta da separação que culminou em outras situações, Gunnar Vingren  ficou preso por 12 dias CDP ( Centro de Detenção Provisória) na cidade de Americana no interior de São Paulo. 

A ida para a cadeia, deixou o ex-esposa de Aanda ainda mais furioso, que ele  mesmo publicou em seu perfil no Facebook sobre sua prisão, mas apagou o post horas depois sem dar maiores detalhes. Inclusive ele também publicou áudios. 

Amanda falou também sobe o ex-marido e disse que o comportamento do companheiro começou a mudar depois que ela engravidou. Nessa época, a cantora descobriu que ele estava se envolvendo com várias mulheres. Ela disse ainda que o ex passou a ter um comportamento mais violento em casa. 

“Quanto mais eu ganhava dinheiro, mais poder ele tinha. Mulherada… Ele era um cara muito bonito. E aí a gente começou a ter problemas de traição. Ele teve um casal de gêmeos com outra mulher, em 2016, enquanto ainda estávamos juntos. Eu achava que Deus poderia restaurar meu casamento, eu tinha isso. Da última vez que voltamos, achei drogas no quarto. Ele ficou violento comigo e com meu filho”, disse Amanda. 

Três meses depois  em maio de 2017, após  longa e turbulenta separação, a cantora gospel Amanda Ferrari e o seu esposo, pastor Gunnar Vingren, decidiram mais uma vez reatar o relacionamento. 

Gunnar fez até  uma live em seu Facebook, onde falou sobre perdão. Ele pediu perdão a Amanda Ferrari. 

Depois de reatar com Amanda, ele anunciou que estava retomando seu ministério depois de um período de turbulência e passou a ser membro da igreja Família e Fé. 

Mas o que parecia que ia engatar de vez, não saiu dos primeiros meses. Novas polêmicas e nova separação. Gunnar foi morar fora do país e cantora ficou em americana com filho.

Chama a atenção que depois do escândalo, a carreira de Amanda Ferrari nunca mais foi a mesma. Portas se fecharam e agendas foram minguando aos poucos.

Sem nenhum grande sucesso emplacado a cantora gospel ainda segue tentando levantar a carreira que afundou no insucesso do seu casamento .

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More