Justiça penhora Igreja Batista para indenizar trabalhador acidentado em reparo no templo

0 1.760

Um  acidente aconteceu em 2014 levou a justiça  a penhorar a  Igreja Batista Regular Do Calvário em Anápolis, para indenizar um supervisor de obras que trabalhava em reparos do templo. Na época, ele subiu no telhado com cerca de 8 metros de altura, e uma viga de sustentação se rompeu e o homem caiu.

A justiça já havia decido penhorar o templo e a instituição recorreu da decisão. No entanto, essa semana, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) manteve a decisão e a defesa do templo disse que o imóvel não poderia ser leiloado, pois feriria a liberdade de culto.

A indenização do trabalhador, foi estipulada em R$ 317 mil. Na sentença, os desembargadores apontaram que o artigo que lista bens impenhoráveis não inclui igrejas. Além disso, ressaltaram que, apesar da igreja existir a quase 40 anos no local e prestar serviços sociais, “o propósito da presente execução também atende a uma função social: a de prestar assistência a um acidentado”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More